11.9.14

Há dias assim.... reborn!

Há dias em que se passa de um estado de extrema felicidade, de planar no paraíso para de repente sermos levados para o inferno contrário... dias em que adormecidos dentro do tempo, rastejamos por dentro da pele tentando encontrar a nossa saída, uma porta onde possamos encontrar a velha sensação mágica de que somos donos do mundo, mesmo não o sendo. Foi talvez isso que me aconteceu nestas vinte e quatro horas, em que de sorrisos o meu rosto se cravou para de repente o céu se toldar de negro, e fazer-me descer à mais profunda tristeza! O choque anafilático das duas emoções foi tão forte que simplesmente fiquei insensível à dor, nem as lágrimas foram capazes de se soltar, e os sorrisos apenas ficaram os de sempre, os meus, sem os quais não vivo! Mas é a vida! E ela não espera para ser vivida, nem o tempo se compadece com quem fica à margem da rua a vê-la passar... e ao que parece neste estádio de anestesia entre a felicidade extrema, entre uma entrada no céu, e a descida ao inferno, o tempo fechou-se e a barreira foi ultrapassada, passei ao nível seguinte....
Talvez seja altura de mudanças radicais!!!
Venham de lá novas aventuras, as do resto ano já estão todas gastas....


8 comentários:

Inês disse...

Sil por vezes mudar de página é mesmo o melhor caminho. Encara essas novas aventuras como novas roupagens, novas aprendizações... e porque a Vida é feita de constantes lições... aprende a cada queda que dês!

Beijocas da Inês*

SinneR disse...

e nunca te esqueças que a vida são dois dias...

bj doce

Jorge disse...

Pois vivo exactamente isso neste instante da minha vida...
Um beijinho

Ly disse...

viva-se
um sussurro

Sil Maria disse...

Inês,
Lá terá de ser mais uma aprendizagem... a vida nunca pára!


Beijocas em ti

Sil Maria disse...

SinneR,
São mesmo!!!
Beijo

Sil Maria disse...

Jorge,
Pois é gato selvagem andas em mudanças na vida! Good luck!

Beijocas

Sil Maria disse...

Ly,
Viva-se!
:)