22.4.13

Na mente, na minha mente!


Ecoam as palavras das tuas mensagens que me acordam todos os dias, e me fazem adormecer todas as noites. Vicias-me em ti a cada dia que passa, desejando-te mais, e mais. Um dia sem elas já não é mesmo, os minutos tornam-se vazios, e ansiedade de receber noticias tuas é uma espera que se faz longa. Essas palavras que às vezes me abraçam, e outras vezes me levam à loucura de me masturbar sem dó do meu corpo. Querer-te nesses momentos é pouco, muito pouco.

Sem comentários: